JOGO
DO DIA

see/saw

Morre cuidadosamente.

VER

O nome até pode sugerir diversão inocente de parque infantil, mas o último jogo do grande designer alemão Philipp Stollenmayer, também conhecido por Kamibox, (Supertype, Zip-Zap) é mesmo uma invenção diabólica.

Trata-se de um jogo de plataforma, no qual o impulso é tudo. Apesar disso, a inábil cobaia de see/saw, cuja tarefa é colecionar três fichas em cada nível, só se mexe quando inclinas o cenário para a esquerda ou para a direita.

Também não podes deslocar-te para muito longe em nenhuma direção, mas é o suficiente para conseguires arremessar o teu avatar leve pela colina abaixo ou rampa acima. Se te moveres suficientemente rápido, ele pode acabar na parede ou no teto.

Corre suficientemente depressa e poderás alcançar áreas difíceis.

As plataformas de impulso vão fazer de mola ou fazer-te pular entre paredes. Com uma mudança brusca na direção oposta, executarás espetaculares mortais à retaguarda. As condutas de ventilação colocam-te novamente à altura de onde caíste, resultando em feitos arriscados.

Podes não conseguir desafiar a morte durante muito tempo, embora por vezes seja suposto isso acontecer. Estas câmaras estão repletas de lâminas giratórias, que regularmente te cortam e nem tens de estar vivo para apanhar a última ficha. Não faltam saltos kamikaze, no nível em que direcionas uma serra circular gigante, com o objetivo de te atirares para a minúscula alcova onde está a última ficha.

É maléfico, mas não frustrante.

Mesmo quando é o cúmulo da maldade, see/saw nunca é frustrante: a qualquer momento, podes arrastar o dedo para baixo e recomeçar. E com fichas bónus pela conclusão de cada câmara em tempo recorde, é um desafio que te ocupará durante semanas. Mais uma criação fantástica de Kamibox, o mestre dos jogos indie complexos.

    see/saw

    Morre cuidadosamente.

    VER